SEO_para-fotografo-Topo

SEO para fotógrafos é algo totalmente novo para você?

Tenho conversado com vários fotógrafos e muitos dizem que precisam urgentemente entender como se faz SEO. Outros ouviram falar sobre isso mas não têm a menor ideia do que precisa ser feito.

Você gostaria de estar na primeira página do Google quando alguém fizesse um pesquisa por fotógrafo na sua cidade?

Você sabe o que precisa fazer para chegar lá?

Se você quer definitivamente entender o que é SEO, continue lendo esse este artigo que preparei especialmente para você.  

Saiba mais sobre:

  • O que é SEO
  • Porque SEO é importante para o seu site/blog de fotografia
  • Como os buscadores funcionam
  • O que é uma pesquisa de palavra-chave
  • O que é Otimização On-Page e Off-Page

 

O Que é SEO

 

SEO é a sigla em inglês das palavras Search Engine Optimization.

Na Wikipedia, encontramos a definição de SEO como sendo o conjunto de estratégias com o objetivo de potencializar e melhorar o posicionamento de um site nas páginas de resultados naturais (orgânicos) nos sites de busca gerando conversões, sejam elas, um lead, uma compra, um envio de formulário, agendamento de consulta e outros.

Já o site Seomaster define SEO da seguinte forma:

“O SEO (Search Engine Optimization),  também conhecido como otimização de sites, é rapidamente definido como uma forma de aumentar os acessos do seu site através de um conjunto de técnicas e estratégias que permitem que um site melhore seu posicionamento nos resultados orgânicos dos mecanismos de busca, como Google e Bing.”

 

De forma resumida, podemos concluir que SEO é um conjunto de técnicas e estratégias aplicadas a um site ou blog, cujo principal objetivo é melhorar o posicionamento nos resultados orgânicos (não pagos) para chegar à primeira página do Google e assim ser encontrado mais facilmente pelas pessoas que buscam aquilo que você tem a oferecer.

As principais técnicas de SEO utilizadas hoje estão relacionadas com a melhoria da experiência do usuário.

São elas: velocidade do site, organização semântica do código, estrutura e linkagem das páginas, organização do conteúdo e uso correto de palavras-chave.

Acima de todas essas técnicas existe uma que é fundamental para o sucesso do seu negócio: produzir conteúdo de excelente qualidade para as pessoas e não para os buscadores.

Não adianta publicar apenas posts com três linhas de texto sobre os ensaios e casamentos dos seus clientes.

Além de um texto que conte uma história verdadeira sobre aquele dia que você passou com eles, você também precisa escrever outros tipos de conteúdo que informem, eduquem e sejam do interesse dos seus clientes.

Se você não sabe direito que outros tipos de post você pode publicar em seu blog, baixe o meu e-book 26 Ideias Sensacionais de Post para o Seu Blog de Fotografia.

Daqui para frente, na maioria das vezes que eu me referir a buscador eu vou utilizar o Google como referência.

Eu tenho dois motivos para isso. Primeiro porque a diferença de como os principais buscadores classificam os resultados das buscas é muito pequena. Segundo porque o Google domina mais de 90% do mercado no Brasil.

 

A Importância do SEO Para o Seu Site/blog de Fotografia

 

Apresento a seguir 4 motivos para você otimizar o seu site e chegar na primeira página do Google.

  1. Os mecanismos de busca são o principal método de navegação para a maioria dos usuários da Internet. Eles fornecem tráfego qualificado, ou seja, levam pessoas que têm alto potencial de estarem interessadas no que você oferece até o seu site.
  2. Várias estratégias de SEO, quando feitas da forma correta, continuam gerando autoridade e levando pessoas para o seu site mesmo que você pare de investir nelas.
  3. É muito mais barato investir em SEO do que pagar pelos links patrocinados para levar mais pessoas para o seu site.
  4. 71,3% de todas as pessoas que fazem uma busca no Google nunca acessam a segunda página de resultados. Os 5 primeiros resultados orgânicos do Google recebem juntos 67% de todos os cliques. Do sexto ao décimo lugar nos resultados, recebem apenas 3.37%.*
  5. Ter o tráfego orgânico como sua principal fonte de visitas para o seu site mostra que o seu conteúdo é interessante para os outros usuários e te posiciona com uma autoridade no seu nicho de fotografia.

( * Números apresentados pelo Google em 2015)

Esses impressionantes dados e informações listados acima nos levam a concluir que:

Fazer pesquisas está se tornando cada vez mais popular. Elas crescem quase 20% ao ano e atingem bilhões de pessoas ao redor do mundo.

A pesquisa gera uma incrível quantidade de atividades econômicas on-line e off-line.

Os rankings mais altos nos primeiros resultados são críticos para a visibilidade.

Aparecer em qualquer outra página que não seja a primeira é a mesma coisa que não aparecer em um resultado de busca.

Ser listado no topo dos resultados não só fornece a maior quantidade de tráfego, mas também inspira confiança nos consumidores quanto à honestidade e à importância relativa da empresa ou do site.

Aprender os fundamentos do SEO é um passo vital para alcançar esses objetivos.

 

SEO_para-fotografo-buscadores

Como os buscadores funcionam

 

A melhor explicação que já encontrei sobre o funcionamento dos mecanismos de busca na internet foi dada pelo site Moz em seu guia SEO para Iniciantes:

1. Rastrear a internet e construir um índice.

2. Fornecer aos usuários da busca uma lista classificada dos sites que eles determinaram ser os mais relevantes.

 

Rastreamento e Indexação

 

Imagine a internet como uma rede de paradas em um sistema de metrô de uma grande cidade.

Cada parada é um documento único (geralmente uma página da Web, mas às vezes um PDF, JPG ou outro arquivo).

Os motores de busca precisam de uma maneira de “rastrear” toda a cidade e encontrar todas as paradas ao longo do caminho, então eles usam o melhor caminho disponível, os links.

A estrutura de links da web é como se fosse os trilhos do metrô e serve para ligar todas as páginas, assim como os trilhos ligam as estações.

Os links permitem que os robôs automatizados dos motores de busca, chamados de “rastreadores” ou “aranhas”, atinjam bilhões de documentos interconectados na web.

Uma vez que os motores encontram essas páginas, eles decifram o código deles e armazenam partes selecionadas em bancos de dados, para serem recuperados mais tarde, quando alguém faz uma pesquisa.

Para realizar a monumental tarefa de armazenar bilhões de páginas que podem ser acessadas em uma fração de segundo, as empresas de mecanismos de pesquisa criaram datacenters em todo o mundo.

Essas instalações de armazenamento monstruosas detêm milhares de máquinas que processam grandes quantidades de informações muito rapidamente.

Quando uma pessoa realiza uma pesquisa em qualquer um dos principais motores, eles precisam entregar resultados instantaneamente.

 

Fornecer Respostas

 

Os motores de busca são máquinas de resposta.

Quando uma pessoa realiza uma pesquisa on-line, o mecanismo de busca percorre bilhões de documentos e faz duas coisas: primeiro, retorna apenas os resultados relevantes ou úteis para a consulta do pesquisador.

Em segundo lugar, classifica esses resultados de acordo com a popularidade dos sites que atendem as informações.

É tanto a relevância quanto a popularidade que o processo de SEO deve influenciar.

Como os motores de busca determinam relevância e popularidade?

Para um mecanismo de pesquisa, a relevância significa mais do que encontrar uma página com as palavras certas.

Nos primeiros dias da web, os motores de busca não passavam desse passo simplista e os resultados da pesquisa eram de valor limitado.

Ao longo dos anos, engenheiros inteligentes desenvolveram melhores maneiras de combinar os resultados com as consultas dos pesquisadores.

Hoje, centenas de fatores influenciam a relevância, como por exemplo o título, os subtítulos, os textos, as legendas das imagens e outros elementos.

Tudo isso é comparado com as palavras buscadas, procurando assim reconhecer alguma relação.

Já a classificação leva em conta o quanto o site é indicado por terceiros.

Na Internet isso toma a forma de links recebidos, que funcionam quase que como votos.

Quanto mais links e de sites com maior autoridade uma página tiver, maior a probabilidade dela alcançar as primeiras posições do Google.

Os mecanismos de pesquisa geralmente assumem que quanto mais popular um site, página ou documento, mais valiosas devem ser as informações que ele contém.

Esta suposição provou ser muito bem sucedida em termos de satisfação do usuário com os resultados da pesquisa.

A popularidade e a relevância não são determinadas manualmente.

Em vez disso, os motores empregam equações matemáticas (algoritmos) para separar o joio do trigo (relevância) e depois classificar o trigo em ordem de qualidade (popularidade).

Esses algoritmos geralmente contêm centenas de variáveis e são conhecidos como “fatores de classificação”.

 

SEO_para-fotografo-keywords

 

O Que é uma Pesquisa de Palavras-chave

 

Fazer uma pesquisa de palavras-chave significa descobrir quais palavras  estão sendo mais digitadas ou pronunciadas no Google por pessoas que precisam de algum tipo de informação relacionada com o seu negócio.

Para realizar uma pesquisa de palavras-chave que faça sentido é essencial que você saiba muito sobre seu cliente.

Afinal, essa pesquisa nada mais é que uma definição de quais temas são mais relevantes para o seu público em termos de palavras-chave e quais delas têm o melhor volume de buscas.

Quando uma grávida de São Paulo procura um fotógrafo no Google, ela pode digitar, por exemplo: book de gestante, ensaio de grávida, fotógrafo de gestante em São Paulo, etc.

A pesquisa de palavras-chave vai responder quais delas é mais utilizada em São Paulo.

Saber quais são essas palavras vão te ajudar na estratégia de criação de conteúdos que sejam relevantes para o seu público, ou seja, que forneça a informação que ele precisa.

Será através dessas palavras-chave inseridas em seu conteúdo e pesquisadas no Google que o seu potencial cliente vai te encontrar.

 

SEO On-Page e Off-Page

 

Existem dois tipos bem distintos de SEO: SEO on-page e SEO off-page.

SEO on-page refere-se a todos os fatores de classificação do Google que são determinados por elementos encontrados na página a ser otimizada.

SEO off-page refere-se a todas as variáveis que o Google analisa, que não estão totalmente sob o seu controle, mas dependem também de outros sites (redes sociais, blogs no seu ramo) e do histórico de quem está pesquisando.

Eles são diferentes mas é importante que você faça os dois tipos de otimização para o seu site.

Fazer SEO on-page e não fazer o off-page é como construir uma linda casa, toda bem arrumada mas no meio do mato, sem nenhuma estrada que leva à ela.

E fazer off-page sem fazer on-page é como se você convidasse muitas pessoas para visitar sua casa, sem antes fazer uma faxina e deixar tudo bem limpo e arrumado.

Elas vão chegar, entrar na sua casa, ver que está tudo desarrumado e ir embora, decepcionadas.

Quando um visitante deixa o seu site depois de ver apenas a página na qual ele chegou, o Google vai considerar essa visita como uma rejeição.

Quanto mais alta for a sua taxa de rejeição (número de visitantes que chegam e deixam seu site em poucos segundos), pior será a classificação dessa página no ranking do Google.

 

SEO On-Page

 

O SEO on-page está dividido em 3 grandes categorias, sendo que a primeira e mais importante é o conteúdo. As outras são  HTML e arquitetura.

 

1. Conteúdo

Como eu já disse antes, produzir conteúdo de excelente qualidade para o seu público é a melhor de todas as técnicas de SEO.

Um ótimo conteúdo vai agradar as pessoas que estão pesquisando no Google porque ele entrega exatamente aquilo que elas precisam.

E, consequentemente, o Google também fica contente porque está realizando o seu trabalho com eficiência.

Um bom conteúdo para o Google precisa:

Ter qualidade

Ter utilizado uma pesquisa de palavras-chave

Usar palavras-chave

Responder diretamente uma ou mais perguntas

 

2. HTML

Depois de produzir um bom conteúdo o seu próximo passo é otimizar as partes essenciais de HTML. São elas:

Tags do Título

As tags do título (title) são como se fossem as manchetes do jornal. Elas aparecem na aba do navegador quando se abre uma nova página.

Meta descrição

Meta descrição é o trecho de texto que o Google mostra quando o seu site aparece no resultado de uma busca.

URL (endereço do site)

É importante colocar palavras-chave no endereço das páginas do seu site.

Subtítulos (headings)

No código de uma página, é possível determinar subtítulos que indicam a prioridade de algumas partes da página. Eles variam do 1 ao 6 (H1, H2…), sendo o 1 o conteúdo mais importante.

Links internos

São links que levam para outros artigos ou páginas do seu próprio site.

Imagens

Para cada imagem do seu site devem ser verificados o nome do arquivo da imagem, o seu texto alternativo (ALT TEXT) e o contexto (imagem coerente com o texto perto de onde ela está inserida).

Sitempap.XML

O sitemap é uma lista das URLs do seu site. Ele fornece ao Google informações das páginas em um formato padronizado.

 

3. Arquitetura

O terceiro elemento do SEO on-page é a arquitetura do site.

Uma boa arquitetura do site resulta em uma boa experiência para as pessoas que navegam pela sua página.

As principais otimizações que você deve fazer na arquitetura do seu site são:

Facilidade de ser rastreado

Compatibilidade com dispositivos móveis

Velocidade da página

Palavras-chave nas URLs

HTTPS e SSL (protocolos de segurança)

 

SEO_para-fotografo-redes-sociais

 

SEO Off-Page

 

O SEO off-page vai muito além do link building (obtenção de links apontando para o seu site). Existem 4 áreas específicas para serem trabalhadas no SEO off-page.

 

1. Confiança

Esse é um critério cada vez mais utilizado pelo Google nas suas últimas atualizações.

Veja alguns pontos que podem melhorar a confiabilidade do seu site:

Autoridade de domínio e autoridade de página – quanto maior elas forem, mais o seu site será visto como confiável. Elas variam de 1 a 100 e você pode verificar a autoridade do seu site aqui.

Taxa de rejeição baixa – Bom conteúdo, tempo de carregamento rápido, boa usabilidade e atrair as pessoas certas para o seu site diminuem bastante a taxa de rejeição.

Idade do domínio – se um domínio continua existindo há bastante tempo significa que ele pode ter bom conteúdo. Apesar de importante, esse é um critério que não tem muito peso.

 

2. Links

Cada link que você recebe de outros sites pode melhorar o seu ranking no Google. É como se várias pessoas estivessem te indicando, dizendo que você é um fotógrafo de muita qualidade, de confiança e que vale a pena te procurar.

Mais importante do que a quantidade é a qualidade dos links que você recebe. Quando se fala em qualidade quer dizer links que venham de sites ou pessoas que são referência na sua área.

 

3. Pessoal

A terceira área de SEO off-page a ser analisada são os fatores pessoais. Apesar de a maioria deles estar fora do seu controle, existem alguns que podem ser melhorados.

Localização – o resultado da pesquisa é influenciado pela localização da sua empresa ou negócio. Dependendo do país ou até mesmo da cidade, uma palavra pesquisada pode ter diferentes significados.

Histórico do pesquisador – Se o pesquisador já esteve no seu site, você tende a aparecer como resultado, porque o Google pensa que você é um resultado relevante para aquele pesquisador.

Socialização – Se você possui, por exemplo, um canal no Youtube, um perfil da sua marca no Google Plus ou uma página no Facebook, com muitos seguidores, é mais provável que o Google mostre em seus resultados informações contidas nessas redes sociais relacionadas com a sua marca.

SEO_para-fotografo-redes-sociais-2

4. Social

Por último, vamos falar sobre os fatores sociais do SEO off-page e ver como os bons resultados em mídias sociais podem afetar positivamente o seu ranking.

Existem 2 principais fatores de influência.

Qualidade dos compartilhamentos

Assim como a qualidade dos links para o seu site, quem compartilha é mais importante do que a frequência de compartilhamento. O Google reconhece pessoas influentes e quando elas compartilham seu conteúdo, este conteúdo terá mais valor do que o do concorrente.

Um ótimo jeito de ter influenciadores compartilhando seu conteúdo é convidá-los para dar uma entrevista para o seu site.

Número de compartilhamentos

O segundo fator de influência é o número de compartilhamentos. Você pode obter um número bem alto de compartilhamentos se o seu conteúdo se tornar viral.

Nunca se sabe quando o seu post vai viralizar mas a forma mais garantida conseguir isso é publicar bom conteúdo, com consistência e utilizar bastante tempo para promover o seu blog.

 

Gostou deste artigo? Então por favor, me ajude a espalhar conhecimento compartilhando esse texto com seus amigos fotógrafos nas redes sociais. Eles também vão te agradecer.

 

Conclusão

 

 

Espero que este conteúdo tenha te ajudado a entender melhor o que é SEO para fotógrafos e o quanto é importante você otimizar o seu site se você realmente deseja atrair novos clientes pela internet.

Se você tem interesse em aprender, passo a passo,  como colocar em prática tudo que leu sobre otimização de sites, deixe um comentário logo abaixo e eu vou preparar novos posts sobre esse tema. 

Quer aprender como despertar no seu cliente uma enorme vontade de comprar os seus produtos? 

Botao-Continue-Lendo